quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Fumantes perdem um terço da memória diária, diz estudo


Quem para de fumar recupera as informações quase no mesmo nível de não fumantes.

Um estudo da Universidade Northumbria com mais de 70 pessoas entre 18 e 25 anos mostra que fumantes perdem mais memória, mas quem para de fumar recupera as informações quase no mesmo nível de não fumantes.

Durante o estudo, os voluntários fizeram um tour pela universidade e foram perguntados sobre pequenos detalhes do passeio, como num teste de memória com tarefas complementares. Os fumantes lembraram apenas de 59% das tarefas, os que tinham deixado de fumar lembraram de 74% e, os que nunca tinham fumado, de 81%.

O médico Tom Heffernan, que coordena a colaboração da universidade com o Grupo de Pesquisa para Álcool e Drogas acredita que a descoberta pode ser usada em campanhas antitabagistas.

- Já sabemos que parar de fumar tem grande impacto na saúde, mas este estudo mostra que parar de fumar também pode ter benefícios para as funções cognitivas - disse.

A pesquisa agora vai investigar os efeitos do fumo passivo na memória e nas toxinas deixadas em cortinas e móveis.

Fonte: Jornal Gazeta do Povo - 22.09.2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário