sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Padres curitibanos substituem vinho por suco de uva


Medida que autoriza padres a substituir a bebida alcoólica foi tomada em virtude das regras mais rígidas do Contran, que pune motoristas com qualquer quantidade de álcool no sangue.

A Arquidiocese de Curitiba oficializou no dia 01.02.2013 a autorização para que padres utilizem suco de uva ou vinho sem álcool na consagração da Eucaristia das missas nos 11 municípios sob a responsabilidade da entidade.

A medida foi tomada depois que o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) tornou as regras mais rígidas com relação à ingestão de álcool antes de os motoristas dirigirem.

A arquidiocese de Curitiba é responsável por dez municípios no entorno de Curitiba, onde a regra da substituição do vinho valerá: Balsa Nova, Campo Largo, Campo Magro, Itaperuçu, Rio Branco do Sul, Almirante Tamandaré, Colombo, Pinhais, Porto Amazonas e Palmeira, além da capital.

De acordo com a nova regra, regulamentada no último dia 29 de janeiro, qualquer quantidade de álcool no sangue pode justificar a aplicação de multa de R$ 1915,40, com possibilidade de suspensão da carteira de motorista por um ano. A partir da quantia de 0,34 miligrama de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, em um motorista, a conduta é considerada crime, que pode gerar até a prisão do condutor.

Fonte: Jornal Gazeta do Povo. Matéria de Antonio Senkovski. 05/02/2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário